Ir para o conteúdo
acessibilidade


access
Página de Acessibilidade

Quem somos

Associação projeto ambiental e cultural Piracanjuba

Somos uma Entidade sem fins lucrativos que luta em defesa do Meio Ambiente desenvolvendo ações de Educação Ambiental e conscientização.


Considerada de Utilidade Pública Municipal pela Publicação da Lei nº 1.597, de 23 de Novembro de 2.017, Utilidade Pública Estadual pela Publicação da Lei nº 17.323, de 05 de março de 2021. (D.O.E., pág. 01) e registrada no Cadastro Estadual de Entidades sob o nro. CRCE 0318/2021, A Associação Projeto Ambiental e Cultural Piracanjuba surgiu de uma brincadeira entre amigos que estavam navegando de caiaque pelo Rio Grande, em Paulo de Faria-SP, e perceberam a grande quantidade de lixo flutuando nas águas do rio e resolveram intervir. Após reunir uma enorme quantidade de material, idealizaram um novo passeio só com esse objetivo. O dia escolhido era uma data importante no calendário da SABESP (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo), o que permitiu que fosse firmada uma parceria sólida para algo maior. Então, no dia 21/09/2013 aconteceu a primeira Edição do Projeto Ação Piracanjuba.

Na qualidade de cidadãos conscientes e conhecedores dos nossos direitos, deveres e obrigações, é de suma importância participar e promover ações com poder de conscientização para que as futuras gerações não cometam os nossos mesmos erros. O objetivo da então criada Associação Projeto Ambiental e Cultural Piracanjuba é, além da divulgação e notoriedade dos resultados obtidos nos anos anteriores, a Educação Ambiental com foco na criança como fator multiplicador, com palestras pontuais gratuitas, direcionadas ao público infantil e outras faixas etárias, visando à conscientização e aplicação de ações ambientais dentro do ambiente pedagógico.

  

Sede da Associação Projeto Ambiental e Cultural Piracanjuba - vista frontal

Utilização de material reciclado (pallet) no Museu e na Biblioteca

Vista interna

Jardim com a fonte dos peixes

 


Por que PIRACANJUBA?
Porque é um peixe nativo da região que estava praticamente extinto e, depois da primeira edição do Projeto, já pode ser avistado com frequência. Logo, uma homenagem à espécie simbolizando todas as demais, ameaçadas ou não.

Justificativa do PROJETO
Ações ambientais de conscientização educacional, que nos posicionem dentro de uma possibilidade e indiquem os caminhos que devemos percorrer, por regra, é uma obrigação de todos. Devem-se valorizar as ações educacionais colocando as crianças frente-a-frente com situações que lhes possibilitem questionar o ambiente que as cercam. E se questionarem como responsáveis pelo mundo onde vivem é dar-lhes a possibilidade de interferir, produzir, multiplicar, melhorar. Dar à criança a oportunidade de expressar seus pensamentos é uma oportunidade de ouro para podermos lapidar a sua personalidade, tornando-os cidadãos mais responsáveis e conscientes, exemplificando e objetivando ações ambientais. Fazer o indivíduo compreender o que suas ações provocam no meio que o cerca é a melhor maneira de sanar ou diminuir os impactos dessas ações.

Objetivos GERAIS
Incentivar debates e trabalhos interdisciplinares; fazer as crianças se compreenderem como parte atuante e integrante, responsáveis pela sociedade e pelo mundo que os cercam, produzindo projetos ambientais que promovam na sociedade o entendimento crítico de que o universo em que vivem é reflexo de suas próprias ações.

Objetivos ESPECÍFICOS
* Analisar, incentivar e fortalecer a consciência ambiental;  
*Fortalecer as culturas locais;   
*Promover encontros e trocas de experiências;  
*Acentuar as práticas educacionais;   
*Promover a prática de esportes saudáveis;  
*Diminuir o impacto ambiental do homem no meio ambiente em que está inserido, produzindo ações reparadoras e educacionais nesse sentido.


ESTRUTURA DA ASSOCIAÇÃO

Museu 
Conservação da Cultura e da História

 

Biblioteca
“Ler para se libertar do mundo comum.”

 

 
 

Curso de Violão
Uma maneira divertida de desenvolver a arte da música

Curso de Violino
A música é a linguagem do coração

Sala de Interação
Crescer, descobrir e aprender

Hoje sala da UNIRP EaD (Centro Universitário de Rio Preto), parceiros do Projeto desde Janeiro desde 2018, onde desenvolvem mais de 14 cursos superiores e mais de 30 cursos de Especialização para a comunidade local e região.

 

DIRETORIA EXECUTIVA

ANDRÉ RENATO DORTA SOUZA

Presidente

É formado em Tecnologia em Processamento de Dados - UNIRP (Centro Universitário de Rio Preto) - 1994, Especialista em Desenvolvimento de Sistemas Sob Tecnologia Cliente/Servidor e Internet - UNIRP - 2004, Pedagogia - UNICOC - Ribeirão Preto - 2009, Especialista em Novas Tecnologias em Educação - PUC do Rio de Janeiro - 2010, Especialista em Educação Ambiental em Recursos Hídricos - APTA (Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios) - Pindorama-SP - 2012, Especialista em Planejamento, Implementação e Gestão da EaD - UFF (Universidade Federal Fluminense) - Rio de Janeiro - 2013. Professor de Informática na Rede Pública de Ensino de Orindiúva-SP desde 2003. Consultor de Informática em empresas. 

andre_dorta23@hotmail.com - (17) 98100-6410

 

LUCIANO EVERSON GRIS - Vice-Presidente

ANA PAULA ALVES MENEZES  - 1ª Secretária

CLÁUDIA BELMIRA SILVA FREITAS - 2ª Secretária

ANÍZIA MARIA NEVES RIBEIRO  - 1º Tesoureiro

HENRIQUE ISENCO ROCHA - 2º Tesoureiro

CONSELHO FISCAL

 

WILSON NELSON RODRIGUES 

EDVIGE DE ROSSO MARTINS

SEBASTIANA APARECIDA SILVA GOMES

SUPLENTES

 

RAFAEL SILVA DOS SANTOS

ANA VIRGÍNIA ZACARELLI RIBEIRO